5 dicas de personalização da experiência de compra na Black Friday

Tempo de Leitura: 5 minutos

 

Você já ouviu falar que Black Friday não é uma data apenas de vender, mas também de fidelizar? Pois é. E a personalização da experiência de compra é uma ótima forma de unir as duas coisas: vender mais e ainda fidelizar os seus clientes!

Afinal, todo mundo gosta de se sentir único e especial. E é isso o que a personalização de compra faz: torna a experiência do usuário diferente para cada pessoa, criando empatia, facilitando a jornada de compra e aumentando as chances de conversão

É por isso que essa estratégia é cada vez mais utilizada no comércio eletrônico. 

Separamos 5 dicas de personalização da experiência de compra para você aplicar na Black Friday 2021. Confira!

  1. Tenha um sistema de recomendação de produtos
  2. Conte com uma busca inteligente
  3. Aposte em pop-ups de retenção
  4. Aplique réguas de comunicação
  5. Invista em estratégias de remarketing

1. Tenha um sistema de recomendação de produtos

Os sistemas de recomendação são os primeiros recursos que vêm à cabeça quando se fala em personalização da experiência. Afinal, eles surgiram na década de 1990 e desde então passaram a ser cada vez mais utilizados por grandes empresas do streaming, como Netflix e Spotify, redes sociais e, claro, no comércio eletrônico. 

Mas em vez de recomendar conteúdos, o sistema de recomendação no e-commerce sugere produtos para os consumidores que estão navegando dentro da loja virtual. Essa sugestão é feita através de vitrines de recomendação, como a “Recomendado para você”.

Com o uso de inteligência artificial, os sistemas de recomendação de produtos passaram a ser cada vez mais assertivos, pois conseguem identificar o perfil de navegação de cada usuário para sugerir o que for mais relevante. Dessa forma, eles ajudam a personalizar a experiência, facilitam a jornada de compra e incentivam a tomada de decisão

É por isso que ter um sistema de recomendação de produtos rodando dentro da sua loja é uma das principais dicas para vender mais e fidelizar clientes na Black Friday através da personalização!

2. Conte com uma busca inteligente

Você já imaginou poder personalizar a experiência de compra através do campo de busca da sua loja? Com uma busca inteligente é possível!

Isso porque essa tecnologia também faz uso de inteligência artificial, assim como alguns sistemas de recomendação. Dessa forma, através das análises de navegação, a IA entende o perfil e comportamento do consumidor e personaliza os resultados de busca para ele. 

Por exemplo, se ele navegar dentro da loja em busca de “tênis branco”, a IA vai identificar esse interesse. Assim, quando ele retornar ao campo de busca, mesmo que digite apenas “tênis”, verá nos primeiros resultados os tênis brancos iguais ou semelhantes ao que já visualizou anteriormente.

Essa característica da busca inteligente se chama busca comportamental. Mas, além dela, uma busca inteligente também conta com alta velocidade; similaridade fonética; busca por cor; busca por voz; busca por imagem; e busca geolocalizada.

Contar com uma busca inteligente na Black Friday com certeza é uma ótima maneira de elevar a experiência e fidelizar clientes. Afinal, a data é conhecida por gerar bastante tráfego para as lojas, mas se o cliente entra e não encontra o que procura, sai e vai buscar no concorrente.

3. Aposte em pop-ups de retenção

Apostar em pop-ups de retenção com desconto nos produtos já visualizados ou colocados no carrinho também é uma ótima forma de manter o cliente dentro do site e influenciar a compra através da personalização. 

Uma tática bastante utilizada e que pode ser ainda mais eficiente na Black Friday é usar promoções relâmpago com contador regressivo. Isso gera urgência no cliente e acelera a tomada de decisão, pois normalmente ele vai querer fechar a compra e aproveitar o desconto. 

Por isso, os pop-ups também são grandes aliados no combate à taxa de rejeição e do abandono de carrinho. 

4. Aplique réguas de comunicação

Outra forma muito comum de personalizar a experiência no e-commerce e que pode ser bastante útil na Black Friday é aplicar réguas de comunicação com os leads e clientes. 

Ou seja, analisar todas as ações do consumidor durante a jornada de compra e, a partir disso, se comunicar e oferecer conteúdos personalizados com base em seus interesses.

Dessa forma, você pode criar mensagens de WhatsApp e e-mail marketing, por exemplo, com promoções diferentes para cada segmento, aumentando as chances de conversão e fidelização. 

As ferramentas de automação de marketing são excelentes para realizar esse tipo de estratégia. Pois além de registrarem tudo o que o lead faz dentro do seu site, nas redes sociais e nos e-mails que você envia, elas também possibilitam a criação de diferentes segmentações de público, com base nas ações que os clientes realizaram.

5. Invista em estratégias de remarketing  

Investir em estratégias de remarketing também pode ajudar a personalizar a experiência de compra do consumidor e aumentar as chances de conversão e fidelização na Black Friday.

Isso porque “remarketing” significa “fazer marketing de novo para as mesmas pessoas”. Ou seja, você identifica quem já demonstrou interesse na sua marca em algum momento e tenta impactá-lo novamente, oferecendo o mesmo produto ou similares.

Isso pode ser feito através de e-mails e mensagens — fazendo com que as réguas de comunicação sejam úteis mais uma vez —, e através de mídia paga, como o Google Ads e Facebook Ads. 

E aí, gostou das dicas? Que tal começar a personalizar e elevar a experiência do seu cliente agora mesmo? A SmartHint é o maior sistema de busca inteligente e recomendação para e-commerce da América Latina e pode te ajudar nessa missão. Conheça!

 

Share

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.